domingo, 5 de maio de 2013

Paragominas vence Remo e é campeão do 2º turno


O Paragominas venceu o Remo por 3 a 1 na noite deste domingo (5) no estádio Arena Verde, em Paragominas, e é o campeão do segundo turno do Campeonato Paraense e o representante do Estado na Série D do Brasileirão.

Agora o Jacaré vai disputar a decisão do Parazão contra o Paysandu nos dois próximos domingos, 12 e 19 de maio. O primeiro confronto será na Arena Verde, às 17h. O último e decisivo duelo da competição estadual será no estádio Mangueirão, também às 17h.

1º TEMPO

Com as duas equipes povoando bastante o meio de campo – Remo com seis jogadores e PFC com cinco -, o jogo foi bastante truncado durante quase todo o primeiro tempo.

O primeiro lance claro foi do Remo. Jhonnatan recebeu passe de Biro na entrada da área, dominou e chutou para marcar o gol azulino. Porém, o árbitro marcou toque de mão do jogador remista.

A resposta do PFC veio logo depois. Aos 25 minutos, Ilaílson arriscou de longe e quase encobre o goleiro Fabiano. A bola passou raspando o travessão.

Aos 34 minutos ocorreu o segundo lance importante do Jacaré. Aleílson cruzou para Adriano Miranda na área, o atacante não conseguiu chutar, mas tocou na bola, dificultando a defesa do goleiro Fabiano. Adriano Miranda teve nova oportunidade aos 37 minutos. Aleílson cruzou e  Miranda furou o chute.

2º TEMPO

A vitória do Paragominas começou a ser construída na volta para o segundo tempo. O técnico Charles Guerreiro tirou o volante Ilaílson e colocou o atacante Weller no jogo.

E logo no primeiro minuto de jogo Weller cabeceou forte para a defesa de Fabiano. No rebote, Aleílson cabeceou para nova defesa do goleiro remista. No entanto, o jogo já estava paralisado por impedimento.

O PFC era só pressão, quando aos 8 minutos Adriano Miranda teve nova chance de marcar. Após cruzamento para a área do Remo, a bola sobrou na entrada da área, para Miranda que chutou por cima do gol de Fabiano.

O Remo levou pressão e somente aos 18 minutos chegou com perigo. Val Barreto tocou para Diego Capela chutar em cima da zaga do PFC.

E foi no contra-ataque da jogada azulina que saiu o primeiro gol do Jacaré. Aos 19 minutos, Beá, que tinha acabado de entrar no jogo, cruzou para Weller cabecear no cantinho do gol defendido por Fabiano.

O Remo saiu para o ataque desnorteado e aos 27 minutos deu novo contra-ataque para o Paragominas fazer o segundo gol. Depois de avançar com a bola desde o meio-campo, Beá tocou para Aleílson empurrar para o fundo do gol.

Depois de levar o segundo gol o Leão foi para cima e somente aos 45 minutos conseguiu diminuir o placar. Thiago Galhardo lançou para Branco, que passou pelo goleiro e fez o gol do Remo.

Com mais dois minutos para empatar e garantir o título, o Clube de Periçá foi para cima com tudo e acabou levando terceiro gol. Galhardo cobrou falta para a área do PFC, a zaga afastou e Alesílson disparou do campo de defesa para marcar o terceiro, com um gol sem o goleiro Fabiano, que tinha ido para a área tentar o empate.

Logo após o terceiro gol do PFC, o árbitro Dewson Fernando terminou o jogo para a alegria da torcida do Paragominas, que já gritava “é campeão”.

Logo mais veja no DOL os gols e os melhores momentos da partida.

RENDA

Além da vaga na Série D e na final do Parazão, o Jacaré lucrou cerca de R$ 140 mil com a renda do jogo. 9.336 pessoas pagaram ingressos para ver o jogo, para um renda bruta de R$ 181.720,00.

(Felipe Melo/DOL)

Nenhum comentário:

Postar um comentário